Doador de sêmen conhece os 19 filhos que tem espalhados pelo mundo

Mundo

Um homem com 19 filhos espalhados por vários cantos do mundo conheceu a maioria deles pela primeira vez.

Michael Rubino, que é doador de sêmen, foi convidado pelo programa Inside Edition, do canal americano de TV CBS, para se encontrar com seus filhos em uma experiência descrita pelo paizão como “muito emocionante e um pouco surreal”.

A idade dos filhos de Rubino varia entre 16 e 21 anos. No entanto, o americano não criou nenhum deles. Ele foi simplesmente o doador do sêmen para a mãe das crianças.

“Eu sabia, quando doei, que se eu tivesse sorte iria conseguir encontrar dois ou três filhos”, disse ao programa Inside Edition. “Eu amei cada um deles imediatamente no momento em que os conheci”.

Quando atingiu 30 anos, Rubino, que trabalha como artista plástico, decidiu se tornar um doador para ajudar desconhecidos a constituir famílias. A maioria dos doadores prefere permanecer anônima, mas não ele.

Antes que o americano se desse conta, mais crianças começaram a entrar em contato com ele, que respondia cada solicitação de maneira imediata.

Os filhos de Rubino também estavam ansiosos para conhecer seus irmãos e notar as similaridades entre eles. Pelos menos 11 deles, por exemplo, têm olhos azuis como o pai.

Rubino abriu sua casa para os filhos. Há fotos de cada um deles espalhadas pela casa. Com descendentes espalhados por vários lugares do mundo, o sujeito usa as redes sociais para manter contato com todos.

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mundo
Noivo herói abandona sessão de fotos para salvar criança de afogamento

Clayton e Brittany Cook posavam para as fotos de seu casamento em um parque em Cambridge, no Canadá, quando o ensaio se transformou em uma operação de resgate. A cena aconteceu na última sexta (22). O noivo, que momentos antes saíra da cerimônia para as tradicionais fotos de casal, avistou …